sexta-feira, 2 de janeiro de 2009

Araxá, 05 de dezembro de 2008

Apesar da viagem de Uberlândia pra Araxá ter sido heavy metal (um ônibus pé duro, velho e sem ar), valeu a pena. Sempre bom dar de cara com Dri e companhia no Tantra. Sinuca, música e a culinária do Horácio. No começo o som estava meio ruim (uma potência queimada), mas logo o Marrone e o Ângelo resolveram tudo. O povo estava tão animado que depois do show eu voltei e toquei mais uns quarenta minutos. Terminado o bis, assisti um show do Tim Maia - justamente o do capítulo do livro que eu estava lendo: coincidências tântricas!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seguidores

Arquivo do blog

Loading...