sexta-feira, 2 de janeiro de 2009

Ipatinga 29 de novembro de 2009


Depois de vir de carona de Pedro Leopoldo pra BH no caminhão que iria rebocar meu carro, eu resolvi os pepinos logísticos e no final das contas peguei o ônibus das duas. Quando era final de tarde eu já havia chegado em Ipatinga. Mais uma vez fui recebido como rei pelo Ruiter e pela Lu, e de quebra o cara ainda preparou um jantar daqueles dos mais finos de todos. Era só comer e chorar: o cara cozinha demais bicho! A galera reuniu-se na casa pra jantar e aquecer os motores pro show à noite. Comemos, ouvimos música, rimos e às onze subimos pro Bom Ré. Chegando lá eu tive um probleminha com o som que estava ligado errado mas rapidamente eu e Moreira (gente fina) resolvemos. E a casa foi lotando, lotando. Faz muito tempo que eu não vejo um público tão receptivo: tive que voltar ao palco sete vezes para o bis, pois o povo não parava de bater palmas, gritar e pedir mais um (All right!). Numa viagem dessas, conhecendo tanta gente boa, sendo tão ovacionado e ainda sendo recebido com um banquete na casa de amigos especiais é que a gente renova o óleo para as próximas jornadas.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seguidores

Arquivo do blog

Loading...